© 2015 Museu Salesiano. Todos os direitos reservados.

 

Alameda Dino Bueno 285/353, Campos Elíseos, São Paulo - SP | Brasil CEP:01217-000

+55 11 3337-2916

museu@salesianos.com.br

Atendimento de terça a sexta-feira das 9h às 16h.

Realização

Apoio

II Simpósio de Arte Educação

10/06/2016

 

Entre os dias 8 e 10 de junho, o MOSB enviou a responsável pelo educativo e comunicação do MOSB, Flaviana Souza para participar do II Simpósio Internacional Formação de Educadores em Arte e Pedagogia com o tema “Pesquisar: Arte: Pedagogia: Mediação Cultural:”. O evento é organizado pelos grupos de pesquisa GPAP/ Arte na Pedagogia e GPeMC/Mediação Cultural ambos sob a coordenação da Profª. Drª. Miriam Celeste Martins, em conjunto com o Programa de Pós-Graduação em Educação, Arte e História da Cultura, da universidade Presbiteriana Mackenzie.

 

Composto por cinco mesas e cinco acolhimentos artísticos, o simpósio contou com a presença do Prof. Dr. Ricardo Marín Viadel da Universidade de Granada/Espanha; do Prof. Dr. Marcos Ferreira dos Santos da FEUSP; Sofia Olascoaga da Fundação Bienal/México e muitos mestrandos e doutorandos da área apresentando seus trabalhos de pesquisa.

 

Valquíria Prates, da UNESP, trouxe a problematização das Viradas sociais nas artes (o convívio comunitário na esfera pública) e a virada educacional/pedagógica das artes (como as pessoas aprendem em instituições educacionais/artísticas). Com um olhar mais apurado, o Prof. Dr. Marcos Santos questionou “como trabalhar a pesquisa em um campo minado de pesquisas? Vira citação da citação”. Para ele existe um obstáculo grande que é “para onde foi o fazer? Para onde foram as mãos?”. Mãos essas que são menosprezadas por terem como herança histórica trabalhadores comuns e não artistas, seriam eles pobres, fazedores, técnicos e artesãos. Em outro momento amplia a discussão questionando que “a escolarização do ensino superior deve ser combatida. Onde estão as mãos? Onde pensa, discute, conversa, experimenta, faz com as mãos?” crítica que sugere que a pesquisa é importante mas é preciso ter resultados aplicados na prática.

 

Ainda dentro do contexto de pesquisa, Silvio Zamboni sugere que “o que é racional é a consciência do desejo, a vontade, não o processo de pesquisa.” Enquanto o Prof. Dr. Ricardo Viadel apresenta uma nova possibilidade de se fazer pesquisa que é por meio da imagem, segundo ele “a teoria também é feita com imagens” onde o título pode ser visual, o autor pode ser visual, o resumo, os conceitos chaves, o método de trabalho, resultados e discussões. Apresentou sua pesquisa quase que exclusivamente por meio de fotografias. A Profª Rosa Iavelberg, da FEUPS, pontuou que “a didática é importante em enquanto conjunto articulado de conhecimentos teóricos e práticos que promovem o diálogo entre o ensinar e o aprender”.

 

O evento se encerrou com expedições culturais a instituições culturais renomadas da capital paulistana e com a promessa de um novo encontro no próximo semestre.

 

 

 

Please reload

Notícias Recentes

20/03/2020

20/03/2020

29/08/2019

Please reload

Arquivo
Please reload